Tendências - 20 de setembro, 2019

Internet das coisas: em breve, em todas as coisas

  •  
Internet das coisas transformando negócios

De acordo com uma pesquisa realizada em 2019 pela KPMG, a internet das coisas será o principal direcionador da transformação de negócios nos próximos 3 anos. A pesquisa, chamada de “Inovação na indústria da tecnologia 2019” (Technology Industry Innovation Survey) entrevistou mais de 700 líderes da indústria de tecnologia e analisou as principais ferramentas que mudarão o mercado a curto prazo.

A internet das coisas – ou IOT, na sigla em inglês – é definida como a interconexão digital de objetos cotidianos com a internet. Ou seja, é quando objetos que não foram desenvolvidos especialmente para o uso da internet são equipados com a capacidade de acessá-la, utilizando dela para otimizar e aumentar suas funções e praticidade. Uma variedade imensa de produtos pode ser beneficiada com a IOT: de geladeiras a carros, passando por sistemas de segurança, relógios e óculos, hoje em dia é possível integrar a internet à praticamente qualquer objeto.

O crescimento e popularização do uso e da implantação dessa tecnologia pode ser explicado com apenas uma palavra: praticidade. Objetos equipados com a internet das coisas se tornam muito mais práticos, possibilitando o controle de funcionamento, fazendo conexões automáticas, fornecendo informações sobre funcionamento e manutenção, e realizando tarefas desde as mais simples às mais avançadas.

Na geladeira, é possível pedir para que ela comece a produzir gelo antes mesmo de chegar em casa e solicitar o envio de uma lista dos itens que estão acabando quando você já está a caminho do supermercado. Relógios agora informam muito mais que apenas as horas e minutos: medem frequência cardíaca, contam número de passos por dia, recebem notificações e atendem ligações. A fechadura da porta da sua casa pode ser aberta após uma autenticação no aplicativo, mesmo se você não estiver fisicamente presente. Esses são apenas alguns exemplos de como a internet das coisas pode ser implantada nas tarefas mais cotidianas da nossa sociedade atual.

De acordo com previsões de especialistas, o número estimado de objetos que possuirão a tecnologia IOT chegará a impressionantes 20 bilhões em 2020. Atualmente, os objetos mais populares nesta categoria continuam sendo os primeiros a recebê-la: auto-falantes, relógios e medidores elétricos.

Fontes:
https://newvoice.ai/2019/06/28/internet-das-coisas-avanca-nos-negocios/
https://nhs.com.br/internet-das-coisas-tem-o-maior-potencial-de-transformacao-dos-negocios-nos-proximos-tres-anos/

Internet das coisas transformando negócios

Twitter
 

Enviar por e-mail